quarta-feira, 17 de março de 2010

Sinto-me tão ferida e tão dorida por dentro que nem consigo dormir. O nó que tenho dentro de mim é tão grande que custo a respirar. As lágrimas tendem em cair... Relembro tudo e sinto o coração a apertar, a ficar pequenino. E de repente só sinto uma vontade grande de gritar. Eu so quero que me deixem em Paz! Só quero que me larguem. Podem até não falar comigo. Eu agradeço! Mas por favor, chega de me magoarem! A angustia que estou a sentir é enorme. É sufocante! Estou tão cansada... Tão cansada...

5 comentários:

Anónimo disse...

Cara Dharma.

Grite, chore porque faz bem, mas dê o tal murro na mesa, quem a rodeia e ama, mais cedo ou mais tarde vão compreender mesmo que lhes custe no princípio.
Pense em si, viva por si e para si o resto virá por acrescimo.

Muita força

Anónimo disse...

meu anjo...sabes não é? para sempre..... amo-te bonequinha, estou e estarei sempre a teu lado.

Dharma disse...

Obrigada pelo apoio, anónimo. Por vezes custa lutar por tão cansada que me sinto...

Dharma disse...

És a minha força... Amo-te!
Para sempre!

Cristina Mar disse...

pelo menos tem tudo de um lado..o do amor!Força!!!!

beijo